Don’t face reality, let it be the place from which you leap/La vie n´est pas grande chose

A realidade é um lugar frio e apertado. Melhor escapar dela sempre que possível porque o sofrimento não pertence à fantasia. Fico pensando nesses dias frios de chuva, vezes fina, vezes grossa, que Deus escolhe esse tempo para levar os escolhidos. Devaneio e acredito que não se morre em dias quentes e sim nos chuvosos, quando a natureza adianta-se em se fechar em cinzas de nuances geladas e derramar lágrimas por ela mesma, pouco antes que nós humanos o façamos. Há duas semanas, no segundo feriado do mês, também numa segunda chuvosa, eu refletia sobre isso e pensava sobre escrever, … Continue reading Don’t face reality, let it be the place from which you leap/La vie n´est pas grande chose